Log in

Câmara analisa políticas de educação midiática e desinformação em novo ciclo de debates sobre fake news

Câmara analisa políticas de educação midiática e desinformação em novo ciclo de debates sobre fake news Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados, por meio das secretarias de Participação, Interação e Mídias Digitais (Semid) e de Comunicação Social (Secom), com apoio da Frente Parlamentar Mista da Economia e Cidadania Digital e da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Democracia e dos Direitos Humanos com Participação Popular, promove amanhã (05/8), mais um encontro do Ciclo de Debates Públicos para discutir a lei que trata do combate à disseminação de notícias falsas, conhecidas como fake news. O evento ocorrerá das 9h às 12h e será transmitido pelo canal da Câmara​ no YouTube.

O tema do debate, que será coordenado pela deputada Tabata Amaral (PDT-SP), é “Políticas de Educação Midiática e Desinformação”. Os debatedores vão discutir como a educação midiática amplia as capacidades de análise, interpretação, comunicação e criação de conteúdo, em benefício do desenvolvimento de cidadãs e cidadãos mais capazes e atuantes. Também serão analisados o panorama atual da implementação de políticas de educação midiática – em face do fenômeno da desinformação no Brasil – e as soluções e caminhos mais viáveis para avançar neste cenário.

Convidados

 

· Patrícia Blanco - Formada em Relações Públicas pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero, com pós-graduação em Marketing pela ESPM. É atualmente presidente executiva e do Conselho Diretor do Instituto Palavra Aberta. É membro do Conselho de Ética do Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária – CONAR; membro da Comissão Permanente de Comunicação e Liberdade de Expressão do Conselho Nacional de Direitos Humanos, conselheira titular do Conselho de Comunicação Social do Congresso Nacional.

· Ricardo Henriques - Economista e superintendente executivo do Instituto Unibanco. É membro dos Conselhos: Anistia Internacional (Brasil), Centro de Estudos das Relações do Trabalho e Desigualdades (CEERT), Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais (CEIPE-FGV), CIVI-CO, Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal (FMCSV), Fundação Itaú Educação e Cultura (FIEC), Instituto Natura, Instituto República e Todos pela Educação (TPE).

· Ângela Pimenta - Jornalista e mestre em Jornalismo pela Columbia University School (2001). É coordenadora executiva do Projeto Credibilidade. Foi presidente do Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo (Projor), de julho de 2015 a abril de 2019. Coordenou o projeto Atlas da Notícia em 2017 e 2018. Foi editora sênior da revista Exame em Brasília (2007-2011) e é doutoranda do programa de Mídia e Tecnologia da Unesp.

· Dennis de Oliveira - Professor livre-docente em Jornalismo, Informação e Sociedade pela ECA/USP. É coordenador do CELACC (Centro de Estudos Latino Americanos de Cultura e Comunicação), vice-líder do Alterjor (Grupo de Pesquisa de Jornalismo Alternativo e Popular) e membro do Neinb (Núcleo de Estudos Interdisciplinares do Negro Brasileiro), todos da Universidade de São Paulo. É professor do Programa de Pós-Graduação em Mudança Social e Participação Política da EACH/USP e do Programa de Pós-Graduação em Direitos Humanos da Faculdade de Direito da USP.

· Pedro Hartung - Advogado e coordenador dos programas Criança e Consumo e Prioridade Absoluta do Instituto Alana. Doutor em Direito do Estado pela USP com doutorado sanduíche em 2017 e pesquisador visitante no Child Advocacy Program pela Harvard Law School. Pesquisador visitante do Max-Planck-Institute de Direito Público de Heidelberg/Alemanha. Integrou em 2017 a equipe do Legal Policy Office do Alto Comissário das Nações Unidas para Direitos Humanos (OHCHR/ONU), em Genebra.

· Natalia Leal - Diretora de conteúdo da Agência Lupa e professora do LupaEducação, braço de educação midiática da agência. É jornalista pela UFRGS e especialista em gestão de pessoas pela FGV, com passagem por redações de diferentes estados do Brasil em mais de 10 anos de carreira. Trabalha com fact-checking e ministra cursos sobre checagem e media literacy para diferentes públicos desde 2017.

· Rodrigo Nejm - Pós-doutor em psicologia social, com estudos e pesquisas no Brasil e exterior na área de tecnologias e novas mídias. Diretor de Educação da SaferNet Brasil e pesquisador do GITS/UFBA.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Banner 468 x 60 px